Cuidados com cães e gatos de pele clara no verão: prevenção do câncer e dicas para proteger seu pet.

Cuidados com cães e gatos de pele clara no verão: prevenção do câncer e dicas para proteger seu pet.

Principais cuidados com cães e gatos de pele clara
Cães e gatos de pele clara são mais sensíveis ao sol, mas com os devidos cuidados é possível curtir o verão sem problemas e ainda evitar doenças, como o temido câncer de pele.

Por YesPets -
22 de novembro de 2022

Assim como acontece com humanos, cães e gatos de pele clara precisam de cuidados mais rígidos para se protegerem contra os malefícios dos raios solares. É importante proteger para evitar problemas graves de saúde como o câncer de pele. 
Problemas de pele em pets claros são bem comuns, por isso a importância de se manter atento aos cuidados e a proteção desse órgão tão importante. Esses cuidados devem ser ainda mais precisos com a chegada do verão.

Porque cães e gatos de pele clara precisam de cuidados
Existem algumas razões pelas quais você deve manter atenção com seu pet na hora de se expor ao sol. Os raios solares, apesar de terem benefícios – como a produção de vitamina D no organismo – também podem ser um perigo. Veja o porquê: 
Fragilidade da pele dos pets
Em comparação a nossa, a pele dos pets é bem mais fina. Essa pele é dividia em três camadas que são chamadas de epiderme, derme e hipoderme – além da das subcamadas. Isso faz a diferença na hora de receber os raios solares, pois as áreas com menos pelos e pele mais fina, ficam menos protegidas e mais expostas aos efeitos da radiação solar. 
Menos melanina 
Assim como nós, os pets com menos melanina – pigmento que funciona como um filtro, responsável por proteger a pele contra a radiação solar – são mais sensíveis ao sol.  Ou seja, quanto mais claro, mais perigoso é tomar sol sem a devida proteção.
Focinhos com despigmentação possuem uma pele extremamente sensível aos raios solares.
Problemas de expor o pet ao sol sem proteção
Expor o pet com frequência ao sol e sem a devida proteção pode causar diversos problemas de saúde, desde queimaduras solares em diversas regiões, como no focinho, patas e orelhas (áreas de menos pelos) até questões mais graves, como o câncer de pele. 
O câncer de pele ocorre, pois as células da pele estão constantemente se renovando, porém, a exposição solar prolongada é capaz de alterar o DNA do pet, fazendo com que haja uma falha (mutação) em que as células continuarão se multiplicando e produzindo as alteradas – caracterizando um tumor. 
Além do câncer de pele, outro problema devido à exposição solar excessiva é o carcinoma espinocelular, também conhecido como carcinoma de células escamosas. Esse tumor é mais difícil de ser diagnosticado, pois se assemelha a uma irritação de pele. 
O tumor ocorre principalmente nas regiões de menos pelo dos pets, como ao redor dos olhos, boca e nariz. Esse problema é mais frequente nos felinos brancos, por isso, é também conhecido como “carcinomas dos gatos brancos”, porém,  também pode afetar os gatinhos mais escuros. 
Outra doença que pode afetar pets que se expõe muito a luz solar é o mastocitoma. Ele pode se desenvolver em qualquer parte do corpo, porém, geralmente é mais comum nas regiões das genitais e nas costas do bichinho. Um dos sintomas mais aparentes são os nódulos que incomodam por causarem inflamações e coçarem bastante, além de sangrarem. 
Como proteger o pet do sol?
Todos os pets precisam de proteção e cuidados contra a radiação solar, mas quando falamos de cães e gatos de pele clara, com pouco pelos, albinos e os que passam muito tempo tomando sol, esses cuidados precisam ser ainda maiores. Confira 7 dicas de como proteger o pet do sol:

Protetor solar: assim como nós, os pets também podem passar protetor solar pet para se protegerem. Passe o produto 30 minutos antes de sair ao sol e somente nas partes com menos pelos, como orelhas, focinho, em volta dos olhos e barriga. Caso o bichinho permaneça por mais de duas horas no sol, reaplique o produto.
Tempo de exposição solar: evite exposições solares por longos períodos e, principalmente, durante o período entre as 10h até as 16h. 
Refúgio do sol: é importante que o pet sempre tenha um local para se abrigar do sol. Caso o pet goste de ficar muito exposto ao sol no quintal, é importante dosar o tempo e deixá-lo dentro de casa quando o sol estiver a pino. 
Água fresca: com a chegada dos dias mais quentes, é importante que o pet beba mais água para se manter hidratado. Por isso, lembre-se de deixar disponível água limpa e fresca à vontade, além de renová-la de duas a três vezes por dia. 
Passeios: por mais que os dias de verão sejam lindos a ponto de parecerem perfeitos para um bom passeio, tome cuidado com a temperatura. Além da radiação solar, o asfalto da rua fica extremamente quente, o que pode queimar as patinhas do seu pet. Prefira passear durante os horários mais frescos como o início da manhã e final da tarde. 
Proteção no inverno: até mesmo no inverno, não deixe de proteger seu pet do sol, pois até mesmo nas épocas mais frias do ano há dias de sol. 
Cuidado na tosa: a pelagem dos pets serve como uma proteção contra os raios solares, por isso, se for tosá-lo, não a deixe muito curta. 

Orelhas e focinho de gatos de pele clara são muito vulneráveis ao sol.
Alimentação e seu papel para saúde da pele e pelagem
Manter uma pele e pelagem saudável é parte importante para proteger a saúde do seu pet. Isso pode ser feito por meio de uma alimentação completa, que pode também ajudar na qualidade de vida. Alimentos completos e balanceados oferecem um ótimo suporte à pele e à pelagem, dando brilho, maciez e força. 
Na Pet você encontra alimentos completos e balanceados desenvolvidos especialmente para oferecer um suporte à pele e pelagem, como a N&D Quinoa Skin & Coat, desenvolvida pela Farmina. Essa ração é indicada para pets com pele sensível para garantir uma pelagem saudável. 
A N&D Quinoa Skin & Coat se diferencia, pois é um alimento de alta qualidade feito à base carne de pato e peixe. Nessa alimentação o seu pet encontra altos níveis de ômega 3, antioxidantes e ingredientes com propriedades funcionais, como coco e cúrcuma. 
Quer conhecer mais sobre cuidados com cães e gatos no verão? Então, confira nossas dicas em nosso blog! 

##verao #cancer-de-pele #cuidados #ração #sol

Camillo Dantas

Camillo, redator apaixonado, especialista em criar conteúdos envolventes e impactantes para o site. Viaja e estuda incessantemente para produzir textos únicos, inspiradores e precisos.

Receitas relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Go up