"Nutrição para gatos: saiba como escolher a ração ideal | Hills"

Como escolher a ração do seu gato
Por Hills -
11 de novembro de 2020

Qual alimento de gato é mais saudável para se fornecer? Quais nutrientes são importantes? Como posso escolher o alimento de gato que mantenha meu gato bem e saudável? São muitas dúvidas que podem aparecer e aqui vão algumas dicas para descomplicar na hora da escolha para que possa oferecer uma nutrição ótima que promova bem-estar e longevidade.
A nutrição certa para gatos
As necessidades nutricionais dos gatos vão variar de acordo com a fase de vida, seu estado fisiológico (por exemplo, se é castrado ou não, se está doente ou saudável) e seu nível de atividade física; contudo, de forma geral, os gatos precisam dos seguintes nutrientes para mantê-los saudáveis:
Proteína: a proteína é essencial para gatos, pois ajuda a manter a massa muscular adequada e na resposta imunológica. Em filhotes, a proteína suporta o crescimento.
Gorduras: a gordura é importante para oferecer energia e ácidos graxos essenciais como ômega-3 e ômega-6. Semelhante aos humanos, muita gordura pode levar ao ganho de peso, mas a quantidade adequada de gordura pode ajudar a manter a pele e a pelagem saudáveis.
Em especial, gatos filhotes e gatas adultas que estão prenhas ou amamentam precisam de mais energia, gordura e proteína porque são fases de maior demanda nutricional que suportam o crescimento do filhote e o feto, respectivamente
Fibra: os gatos precisam da quantidade correta de fibra para dar suporte a saúde intestinal e no controle de bola de pelos.
Água: a urina do gato é bem concentrada, por isso, precisam sempre de bastante água fresca e limpa diariamente para se manterem saudáveis. Sem a ingestão de água em quantidade adequada, os gatos podem ter problemas urinários. Estimule os animais por meio do uso de fontes, espalhando diversas tigelas de água pela casa e até mesmo ofertando cubos de gelo.
Os gatos também precisam vitaminas e minerais no alimento para atingir suas necessidades específicas. Por isso, sempre oferte um alimento completo e balanceado de alta qualidade e não há necessidade de acrescentar suplementos vitamínico-minerais.
Escolhendo o alimento mais saudável
Como dito, o quanto de nutrientes o gato precisa vai depender de algumas circunstâncias. Se o seu gato é saudável, importante sempre escolher um alimento específico para a espécie e de acordo com a fase de vida. Atente-se que há opções de alimentos para gatos castrados, controle de bola de pelos e light que podem ser escolhidos nos casos do seu animal ser castrado, tiver problema com eliminação de pelo ou propenso ao gato de peso (ou até mesmo pouco ativo), respectivamente.
Atente-se para acostumar os gatos, desde a fase de filhote, a consumirem alimentos úmidos, pois é a fase que estão mais receptivos a novidades e esse tipo de alimento ajudará seu gatinho a manter a ingestão de água adequada ao longo da vida. Por isso, você pode fazer o que se chama de mix feeding, que é oferecer o alimento seco e úmido.
Em contrapartida, se o seu gatinho está doente, converse com o veterinário sobre qual suporte nutricional pode ser oferecido para otimizar a sua recuperação e promover maior sobrevida e qualidade de vida.

Pontos que devemos lembrar quando falamos de nutrição de gatos
Evite superalimentação: Dar alimento a cada miado que o gato fizer fará com que ela ganhe peso, portanto, fique de olho em sua cintura – um gato saudável deve ser magro e esbelto. Você não quer ver costelas ou ossos protuberantes, mas ao passar as mãos nas laterais do corpo dele, você deverá sentir bastante definição. Um gato com excesso de peso tem acúmulo de gordura no abdômen, na região das costelas e também na base da cauda.
Forneça água suficiente: Alguns gatos são muito meticulosos quanto à fonte de água, portanto, mantenha a tigela de água do seu gato sempre limpa e reabasteça-a diariamente. Lembre-se de que uma fonte de água é uma grande ajuda para famílias com vários gatos, pois fornece um suprimento constante e fresco.
Não ofereça alimentos humanos: os restos de comida são um caminho rápido para a obesidade em muitos gatos, adicionando calorias sem uma nutrição adequada. E nunca alimente seu gato com chocolate, café ou bebidas com cafeína, passas, uvas, cebola ou alho – todos eles são alimento tóxicos para os gatos.
Evite leite: Com o avançar da idade, gatos perdem a ação da lactase, enzima que digere a lactose presente no leite. Alimentar seu gato com uma tigela de leite pode causar gases, indigestão e diarreia. Se você quiser dar uma guloseima ao seu gato, alguns croquetes do alimento de gato ou petiscos específicos para a espécie são opções melhores.
A comida certa para gatos pode manter seu animal de estimação saudável e ativo por muitos anos. Escolha uma ração de alta qualidade, mantenha-os hidratados e evite alguns dos mitos comuns mencionados acima. Assim, você fornecerá a melhor nutrição para seu animal de estimação.
A Hill’s possui alimentos para gatos em todas as fases de vida que contém proteínas de alta qualidade para promover condição corporal adequada, possuem fibras que ajudam na saúde intestinal, além de ácidos graxos essenciais para pele e pelo saudáveis. Todos os alimentos tem ingredientes de alta qualidade, de fácil digestão, sem corantes e saborizantes artificiais para uma refeição nutritiva e saborosa.

#alimentação #gato #Hills #nutrição #ração

Camillo Dantas

Camillo, redator apaixonado, especialista em criar conteúdos envolventes e impactantes para o site. Viaja e estuda incessantemente para produzir textos únicos, inspiradores e precisos.

Receitas relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Go up