"Como manter os dentes do seu gato limpos e saudáveis: dicas práticas e eficazes para garantir o bem-estar do seu felino!"

Como manter os dentes do seu gato limpos e saudáveis
Por YesPets -
5 de agosto de 2020

É verdade que muitos pais e mães de gatinhos não dão a devida importância para a higiene bucal de seus felinos. Alguns acreditam que a escovação não se faz necessária, pois o próprio animal seria capaz de dar conta do serviço, enquanto outros têm muito medo de sofrer com mordidas. Veja como manter os dentes do gato limpos e saudáveis!
A gente já explicou em outra oportunidade que dentes limpos e saudáveis garantem uma vida melhor (e mais longeva) ao gato e que, sim, é possível acostumar o bichano ao hábito diário de ter os dentes escovados. Dá trabalho? Pode dar, mas vale muito a pena fazer esse esforço para contribuir com o bem-estar do seu pet.

Ignorar a importância da saúde dentária é abrir as portas para uma futura complicação alimentar – imagine a dificuldade em comer a ração seca com dentes a menos -, sem contar os males que nem precisarão de muito tempo para ocorrer, afinal, quando a placa bacteriana (“tártaro”) é acumulada, pode causar inflamação gengival, gengivite e demais doenças periodontais.
E agora que você entendeu a importância do assunto, vamos explicar a prática, sabendo que a sua missão será muito facilitada se desde cedo você acostumou o bichinho a aceitar numa boa o contato do seu dedo indicador com a língua e dentes dele. Caso a dessensibilização não tenha sido feita, não precisa se desesperar e nem abandonar o barco, basta seguir nossas dicas abaixo:
Organização e nada de pressa
A tarefa pode demorar um pouquinho para ser concluída e vai exigir bastante paciência, principalmente nas primeiras vezes. Comece reservando um tempo só para o gato e certifique-se que você não terá que abandonar a missão no meio do caminho, esteja certo que uma simples saidinha fará você começar tudo do zero.
Quanto mais organizado e rápido for o trabalho, melhores são as chances de dar certo e continuar sendo aprimorado. Então, deixe tudo o que for precisar à mão para facilitar o manuseio, escolhendo um ambiente no qual o gatinho se sinta tranquilo e também seja silencioso. Além da escova (ou dedeira) e do creme dental, não esqueça de ter ao lado um paninho e também alguns petiscos (escondidos do animal) para recompensar o bichano.
Preste atenção na linguagem corporal
É bem provável que ao pegar o bichinho no colo, ele fique agitado e queira brincar com você. Espere ele se acalmar e, com uma das mãos, suavemente, comece a levantar os lábios do gato em curtos intervalos. A outra mão pode ficar acariciando o corpo do felino.
Um tom de voz agradável e palavras positivas ajudam o gato a ficar mais relaxado. Mas, se por acaso, o peludinho demonstrar irritação, faça pequenas pausas, aguarde a ansiedade passar e retome atividade (mesmo que seja no dia seguinte). Importante que você não brigue ou force a barra com o seu pet, pois assim ele associará o momento da escovação a algo negativo e tudo ficará mais difícil.

Apresente a dupla dinâmica: escova e pasta de dentes
Depois que o seu filho de quatro patas se acostumar ao toque de seus dedos, é chegada a hora de mostrar a ele a escova (ou dedeira) e a pasta de dente – todos específicos para pets. Deixe o gato sentir o cheiro de todos os itens e até dar uma pequena lambida na pasta para conhecer seu sabor. Finalize oferecendo um petisco para ele entender que se trata de uma experiência positiva.
“Varra” os dentes do seu gato
Cumprindo o ritual acima, você estará pronto para o grande momento. Ajeite o gato no colo, levante seus lábios e use a escova ou a dedeira com um pouco de pasta. Mantenha os movimentos suaves e a voz tranquila para transmitir segurança ao bichinho, começando a escovação pelo dentes grandes (caninos), como se estivesse os varrendo de cima para baixo.
À medida que o pet for acostumando, avance para outros dentes. É bem possível que nas primeiras vezes o gato fique arredio e você não consiga dar conta de cuidar de toda arcada dentário, e tudo bem, as conquistas virão de forma gradativa e você pode ir tentando diferentes abordagens para ver qual dá melhor resultado.
Por exemplo, a escova de dente não está dando muito certo, tente utilizar uma dedeira para ver se consegue melhores resultados. Outra opção é envolver seu dedo em um pedaço de gaze e um pouco de creme dental para fazer a higienização bucal. Não esqueça de sempre recompensar o animal com um brinquedo ou guloseima ao final da tarefa – mesmo que ele não tenha se comportado muito bem -, a tendência é que com o tempo ele vá se acostumando.
Quantas vezes escovar os dentes do gato?
Como falamos no início da matéria, a higienização dentária deve ser diária ou no máximo em dias alternados. Isso porque a placa bacteriana – resíduos alimentares e bactérias – demoram entre 48 e 72h para calcificar, e se você deixar os dentes desprotegidos, formando a placa rapidamente.
Importante lembrar que mesmo cuidando da saúde bucal do seu gatinho, não dá pra abrir mão das visitas ao médico veterinário para saber se é necessário realizar uma limpeza profissional. É que abaixo da linha da gengiva há uma área que também necessita ser higienizada, mas somente o doutor pode fazer isso sem correr o risco de machucar o seu amado parceiro.

#gato #pet #YesPets

Camillo Dantas

Camillo, redator apaixonado, especialista em criar conteúdos envolventes e impactantes para o site. Viaja e estuda incessantemente para produzir textos únicos, inspiradores e precisos.

Receitas relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Go up